segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Eu sei que vou te amar

Por toda minha vida, nessa existência e em outras. Porque és o motivo de todo meu riso, de minhas lágrimas e emoção. Tua bandeira no mastro é a história de um passado e presente só de glórias. Nascer, viver e em ti, Santos, morrer é um orgulho que nem todos podem ter.

Na volta, eu tinha que falar sobre o Santos mesmo. A draga ainda não passou, estamos ainda a uma distância não muito confortável da zona de rebaixamento. Mas o clima é outro, a expectativa é outra e os números mostram o melhor momento. O Santos faz uma campanha no segundo turno que nem se compara com a do primeiro, tanto que o time já fez somou mais pontos, 22 a 17. O aproveitamento é bem melhor também, 62% a 25%.

Não houve mágica, não houve milagre nenhum, a fórmula da recuperação santista foi bem simples, trabalho sério. A trinca formada por Márcio Fernandes, Chulapa e Belarmino está indo de vento em poupa. Conseguiu dar um padrão de jogo ao time, que permite ao Santos jogar fora de casa da mesma maneira que atua na Vila. Acredito que a manutenção desta comissão técnica, inclusive da galera nova do CEPRAF que já até ganhou prêmio nacional de fisioterapia, é fundamental para um 2009 sem decepções e lutando por títulos. Reforços serão mais que bem-vindos, sobre tudo para o miolo de zaga.

A casa está sendo arrumada e o Santos volta a um rendimento esperado. Claro que não dá pra vacilar, como eu disse, a distância para a zona de rebaixamento é desconfortável e para deixar esse fantasma de uma vez por todas para trás, será necessário o Peixe manter o foco do título de campeão do segundo turno, que é completamente plausível e possível, mantendo e melhorando um pouco esse aproveitamento obtido até agora na segunda etapa do certame.

As notas ruins desse período que fiquei sem escrever sobre o Glorioso são a saída do Carleto, burrice pura da diretoria, não dá pra dispensar um lateral-esquerdo igual a ele; e a contusão gravíssima do menino Maikon. O garoto é um grande talento e se machucou feio contra o Flamengo, na primeira partida do returno. É 2008 que continua implacável!!!

Enfim, é bola pra frente agora e foco no título do segundo turno. E contaremos com o Fabio Costa no gol para alcançarmos esse objetivo. Pra mim, o melhor goleiro do Brasil disparado.

VAI, SANTOS!!!