segunda-feira, 7 de abril de 2008

Aqui é Profissionalismo Futebol Clube

Ontem com a camisa do Santos eu estava, porque pra mim o que interessa é o meu time, o que importa é o Santos vencer e fazer aquilo que for melhor pro grupo, o melhor para que o os objetivos do clube sejam alcançados. E dane-se se isso pode ajudar A ou B.

Fui totalmente favorável ao que o clube fez de mandar o quanto antes o time titular para Guadalajara para o penúltimo jogo da fase classificatória da Libertadores contra o Chivas. Acho que colocar o time titular em uma partida que não tinha mais valor pro Santos era pedir pra alguém se machucar. Mas quem jogasse tinha que representar e dar o melhor de si, pois era o momento de jogadores que estão sendo pouco aproveitados por Leão mostrarem seu valor. O time que foi a campo contra a Ponte só contava com KP de titular, para ele o jogo valia muito, valia a artilharia do estadual e aí se justificava a presença de um jogador tão importante para o grupo (dizem que o valor do prêmio pra artilheiro é mais ou menos de 300 mil reais).

Um jogo muito pegado, com pouca técnica, mas muita disposição. Todo mundo se empenhou muito no jogo, acho que o time pecou só em forçar demais as jogadas no KP, talvez ele tenha dito que dividiria o prêmio com o grupo, teve uma jogada em que o Tabata tinha o Quiñonez em condição melhor de fazer o gol, mas tocou pro KP. O Quiñonez é que está realmente encontrando seu futebol, jogou muito bem ontem, driblou, se movimentou, criou alguns lances, não acho que será titular do time, mas mostra que será importante para compor o elenco.

O Santos saiu vencendo o jogo com gol de KP, no primeiro tempo. Logo em seguida, a Ponte empatou. O jogo vinha sendo bem disputado até uma falta besta de Evaldo próximo a área, no início do segundo tempo. O camisa 10 da Ponte, Renato – já dado como fora da Ponte pós-Paulista –, bateu bem na bola e colocou no ângulo direito de Douglas. Leão colocou o time pra frente e o Santos foi dominando totalmente a partida, uma vez que a Ponte recuou o time também. Renatinho, que entrou no segundo tempo, fez boa jogada pela ponta-esquerda e recebeu falta. Carleto cobrou e no bate-rebate, Renatinho fez o gol que selava o empate.

O resultado ajudava o Corinthians, que se vencesse o Norusca, avançaria pra semifinal do Paulistão. Mas pouco importava, o Santos tinha que jogar o melhor que podia, mesmo sendo com o time reserva. E não precisávamos nos preocupar, o timinho da marginal se matou sozinho, não era preciso entregar o jogo. O engraçado foi ainda ouvir o choro do Mano, falando que a ‘ajuda’ do Santos veio meio tarde, quando o time dele já estava sendo nabado pelo Noroeste. Vai dormir, Menezes do inferno! Primeiro que o Santos não ajudou a ninguém, fez aquilo que faz sempre: o Santos joga para vencer. Agora, se o time dele se concentrasse apenas no próprio jogo, conseguiria talvez a vaga pra semifinal com esse gol santista no finalzinho. E outro que tem que ir dormir é o Sérgio Guedes que veio falar bobagens que o Santos recebeu dinheiro! Ele é que não cuide do time dele que vai ficar logo na semifinal mesmo. Se o jogo não ficasse tão concentrado no KP, ontem teríamos vencido a Ponte, que fazendo o segundo gol no início do segundo tempo, se amedrontou e se fechando na defesa. Se liga, Mané! Os jogadores tinham como incentivo o próprio ato de vestir a camisa do Santos e de sobra tinha a artilharia do KP. E o Leão não deixa de buscar a vitória porque essa pode vir a ajudar um rival, é só lembrarmos o caso do Atlético no ano passado. O Atlético ajudaria o Cruzeiro se vencesse a última partida contra o Palmeiras, o Leão era técnico do Galo. O Atlético venceu o jogo contra o Palmeiras, em Chiqueiro, e deu de bandeja a classificação à Libertadores para o Cruzerio.

Fica realmente a impressão de que um planejamento mais acertado nos daria reais chances de brigar pelo título. Como coloquei no balanço, pelo começo do campeonato, até que foi bom o que conseguimos!



Nota 1: o que me deixa chateado mesmo é ainda o empate com o Rio Claro. Se tivéssemos vencido, jogaríamos com os titulares contra a Ponte e acredito que venceríamos, já que arrancamos um empate com os reservas. Com os outros resultados da rodada, o Santos estaria classificado! =/... Irônico destino fazer com que justo o Rio Claro tirasse o sonho do TRI do Santos. Mas pior pra eles que acabaram rebaixados naquele jogo também!

Nota 2: esperem agora que vai ser uma chatice até decidirem onde será o segundo jogo da semifinal entre São Paulo e Palmeiras. Agora virá o choro verde, mas um choro imbecil de quem assina o regulamento e depois quer ficar reclamando algo!

Nota 3: eu comemorei muito o segundo gol do Norusca! Hahahahaha... Um golaço! Diria um amigo: genial! Hahahahaha...

Nenhum comentário: